PT EN

Filosofia

"A história é uma continuidade. Mas ela é, também e sobretudo, uma impaciência. Ela olha para o amanhã como ela olha para ontem… a tradição é um progresso que teve sucesso.
O mais alto papel da tradição é o de prestar ao progresso a cortesia que lhe deve – permitir ao progresso surgir da tradição como a tradição surgiu do progresso."
Miguel Veiga, Marcas do Tempo . 2004

A filosofia de ACB Arquitectura Paisagista fundamenta-se no princípio quase poético de que a tradição é um progresso que teve sucesso. A aprendizagem de soluções antigas e bem adaptadas a séculos de uso leva a soluções contemporâneas enraizadas no respectivo ecossistema e que, por isso, podem sobreviver com elevados padrões estéticos e de durabilidade.

A forma de projectar em ACB assenta no percurso de formação, ensino universitário e experiência de projecto da sua fundadora, a Professora Arquitecta Paisagista Cristina Castel-Branco que em 20 de Março de 1991 criou o atelier ACB Arquitectura Paisagista em conjunto com a Professora Arquitecta Paisagista Teresa Andresen, tendo tido vários arquitectos paisagistas como colaboradores.

Actualmente Cristina Castel-Branco dirige o atelier em que se integram outros 5 arquitectos paisagistas, entre os quais o seu sócio não residente Victor Walker (WKDG). Os restantes membros, formados em Arquitectura Paisagista pelo Instituto Superior de Agronomia, especializaram-se em diferentes áreas de projecto paisagístico - botânica, design, história de arte de jardins, SIG’s, ordenamento e urbanismo.